quarta-feira, 1 de junho de 2011






Você trabalha no centro do Rio, tem uma hora de almoço e fica dando voltas para voltar ao trabalho. Visite o CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), e descubra o que é passar o almoço relaxado e adquirindo informações do seu interesse. O centro cultural fica no primeiro de março e disponibiliza um número grandioso de destaques culturais.

Ø  O acervo reúne documentos da história do banco do Brasil;

Ø  A biblioteca funciona de segunda a domingo oferecendo empréstimo de livros, com salão de leitura e multimídia;

Ø  O museu funciona de terça a sexta e oferece variadas exposições mensais;

Ø  Assista filmes novos e antigos, com total conforto, na Videoteca do CCBB, por apenas R$10,00 Mensais;

Ø  Cinema  apenas R$6,00;

Ø  Teatro apenas R$10,00;



O prazer do conhecimento relaxa e transforma sua vida. Visite o CCBB, inclusive em fins de semana para conhecer mais sobre o centro cultural mais freqüentado do centro do Rio.

Plano de saúde cultural






Hoje podemos aproveitar promoções da prefeitura todo segundo domingo do mês, assistindo peças a R$1,00, ou contratar empresas privadas que oferecem, com direito á acompanhante, Quatro peças de teatro grátis, ingressos infantis e descontos em outros teatros não conveniados.

As peças gratuitas são de boa qualidade e são enviadas mensalmente para a residência do assinante. O Custo mensal de R$ 40,00 na assinatura, não chega a incomodar pessoas que gostam de aproveitar para conhecer novas peças teatrais, além das comercias que exibem propagandas nos jornais.

Entre no site das duas empresas que oferecem este serviço ( Star Palco e Câmara da arte) e analise o custo/Benefício mensal de uma programação cultural.

Star Palco
Câmara de arte

O TEATRO É CARO?






A população carioca criou um discurso sobre o alto custo de uma peça de teatro, pagamos cerca de R$ 25,00 em um cinema, não existindo, publicamente, nenhuma reclamação sobre o valor. Na peça “7 Segundos” interpretada por Antonio Fagundes, o ator desabafa sua agonia sobre o desrespeito do consumidor e fala sobre os vícios que adquirimos com a televisão.

Existem várias promoções para a população, inclusive de baixa renda, para assistir peças que chegam a custar R$1,00 no teatro municipal, mas geralmente sem “atores globais” que cobram R$ 80,00 por uma entrada em suas peças.

No segundo domingo de todo o mês, a prefeitura promove o “Projeto a um real”, que disponibiliza ao público, nos teatros municipais, ingressos a R$1,00.

Relação dos teatros incluídos no projeto:

  • Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto
  • Sala Municipal Baden Powell
  • Teatro Municipal Café Pequeno
  • Teatro Municipal Carlos Gomes
  • Teatro Municipal Carlos Werneck
  • Teatro Municipal do Jockey
  • Teatro Municipal Maria Clara Machado
  • Teatro Municipal Ziembinski
  • Teatro Gonzaguinha

Em uma época que se discute a interatividade, preferimos assistir um filme, onde não respondemos à tela de cinema, do que assistir uma peça onde podemos trocar opiniões e conhecer os atores, conhecendo suas histórias e discutindo sobre assuntos relacionados à peça.